http://4.bp.blogspot.com/_14vrv7ni7HM/TLYyK0PS85I/AAAAAAAABU8/h4xBT0R8kQU/s1600/20101013225550_D0064009.jpg

 

CONSERVAR O DEPÓSITO DA FÉ

 [ EN  - ES  - FR  - IT  - LA  - PT ]

CARTA ENCÍCLICA
PASCENDI DOMINICI GREGIS
DO SUMO PONTÍFICE
PIO XAOS PATRIARCAS, PRIMAZES,
ARCEBISPOS, BISPOS
E OUTROS ORDINÁRIOS EM PAZ
E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA
SOBRE
AS DOUTRINAS MODERNISTAS

Veneráveis Irmãos,
saúde e bênção apostólica
INTRODUÇÃO
A missão, que nos foi divinamente confiada, de apascentar o rebanho do Senhor, entre os principais deveres impostos por Cristo, conta o de guardar com todo o desvelo o depósito da fé transmitida aos Santos, repudiando as profanas novidades de palavras e as oposições de uma ciência enganadora. E, na verdade, esta providência do Supremo Pastor foi em todo o tempo necessária à Igreja Católica; porquanto, devido ao inimigo do gênero humano nunca faltaram homens de perverso dizer (At 20,30), vaníloquos e sedutores (Tit 1,10), que caídos eles em erro arrastam os mais ao erro (2 Tim 3,13). Contudo, há mister confessar que nestes últimos tempos cresceu sobremaneira o número dos inimigos da Cruz de Cristo, os quais, com artifícios de todo ardilosos, se esforçam por baldar a virtude vivificante da Igreja e solapar pelos alicerces, se dado lhes fosse, o mesmo reino de Jesus Cristo. Por isto já não Nos é lícito calar para não parecer faltarmos ao Nosso santíssimo dever, e para que se Nos não acuse de descuido de nossa obrigação, a benignidade de que, na esperança de melhores disposições, até agora usamos.
E o que exige que sem demora falemos, é antes de tudo que os fautores do êrro já não devem ser procurados entre inimigos declarados; mas, o que é muito para sentir e recear, se ocultam no próprio seio da Igreja, tornando-se destarte tanto mais nocivos quanto menos percebidos.  LER...
 [ EN  - ES  - FR  - IT  - LA  - PT ]

CARTA ENCÍCLICA
PASCENDI DOMINICI GREGIS
DO SUMO PONTÍFICE
PIO XAOS PATRIARCAS, PRIMAZES,
ARCEBISPOS, BISPOS
E OUTROS ORDINÁRIOS EM PAZ
E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA
SOBRE
AS DOUTRINAS MODERNISTAS

Veneráveis Irmãos,
saúde e bênção apostólica
INTRODUÇÃO
A missão, que nos foi divinamente confiada, de apascentar o rebanho do Senhor, entre os principais deveres impostos por Cristo, conta o de guardar com todo o desvelo o depósito da fé transmitida aos Santos, repudiando as profanas novidades de palavras e as oposições de uma ciência enganadora. E, na verdade, esta providência do Supremo Pastor foi em todo o tempo necessária à Igreja Católica; porquanto, devido ao inimigo do gênero humano nunca faltaram homens de perverso dizer (At 20,30), vaníloquos e sedutores (Tit 1,10), que caídos eles em erro arrastam os mais ao erro (2 Tim 3,13). Contudo, há mister confessar que nestes últimos tempos cresceu sobremaneira o número dos inimigos da Cruz de Cristo, os quais, com artifícios de todo ardilosos, se esforçam por baldar a virtude vivificante da Igreja e solapar pelos alicerces, se dado lhes fosse, o mesmo reino de Jesus Cristo. Por isto já não Nos é lícito calar para não parecer faltarmos ao Nosso santíssimo dever, e para que se Nos não acuse de descuido de nossa obrigação, a benignidade de que, na esperança de melhores disposições, até agora usamos.
E o que exige que sem demora falemos, é antes de tudo que os fautores do êrro já não devem ser procurados entre inimigos declarados; mas, o que é muito para sentir e recear, se ocultam no próprio seio da Igreja, tornando-se destarte tanto mais nocivos quanto menos percebidos.  LER...

Arquivo do blog

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Socci:There has been a coup in the Church... The Apostolic Exhortation is a turning-point in Catholic Doctrine

Antonio Socci: There has been a coup in the Church

Let us rebel against “the dictatorship of relativism” which is destroying Catholicism and our civilization.
Antonio Socci
“Libero”
April 10, 2016
In “La Repubblica” yesterday, the Catholic ideologue of progressivism , Albert Melloni,  informs us that Bergoglio’s Exhortation (re-named by some “Familiaris divorzio” ) is “a praise to erotic joy”.  With this, he makes it seem like a playful treatise on pornography to be published in Dagospia* with the title: “Coito ergo sum”. 
Isn’t the idea of ‘red-light’ Vatican pathetic?  To be sure, the Bergoglian “modernism” of today brings to mind the image of an eighty year-old woman running around in a mini-skirt and stiletto heels, exposing her bosom to all and sundry. Also on social issuesBergoglio rehabilitates the fossilized  slogans of those abominable “red-light” 1960s, now at the age of catheters and Alzheimer’sThen the Bergoglian pages on Eros which are a clumsy amateurish copying (with errors) of the theological  and pastoral masterpiece by John Paul II, who, in his catecheses on Genesis and the body, linked together splendidly the “Eros” and “Agape” in Christian marriage.
To Genesis and the Song of Songs, Wojtyla added his past human experience as a poet- miner-theologian and in his youth took part in the resistance against Nazism and Communism reading St. John of the Cross and Monfort.
Someone paraphrasing Melloni, says that the Bergoglian Exhortation is, in reality, “a praise to heretic joy”  (not erotic). And that is the rub.
EROTIC OR HERETIC JOY?  

Read more »Socci: The Apostolic Exhortation is a turning-point in Catholic Doctrine

Mortal sin is replaced with social sin and the door to Communion for the divorced and remarried is opened: the real sin is ignoring the poor
Antonio Socci
'Libero'
 April 9, 2016

Was Cardinal Kasper right when he announced “the great revolution” a month ago?  With the Apostolic Exhortation, Amoris laetitia is Bergoglio overturning the Magisterium of the Church, thus putting himself above the words of Christ and God’s commandments?

With words he says he is not changing doctrine. But with facts he has today opened up to something that until now has been forbidden by Holy Scripture and the Church.