Arquivo do blog

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Fotos das Ordenações do IBP no Brasil


Ordenações do IBP no Brasil – Crônica


Neste sábado, dia 22 de agosto, Festa do Imaculado Coração de Maria, deu-se uma magnífica cerimônia de ordenação na Paróquia São Paulo Apóstolo, na cidade de mesmo nome. Durante Missa Pontifical Solene no Rito Romano Tradicional, Sua Excelência Reverendíssima, Dom Athanasius Schneider, Bispo Auxiliar no Cazaquistão, ordenou dois sacerdotes Pedro Gubitoso e Tomás Parra – e dois diáconos – Thiago Bonifácio e José Luís Zucchi – do Instituto Bom Pastor (IBP).
image
Estavam presentes inúmeros membros do IBP – sacerdotes e clérigos vindos de toda a parte do mundo (brasileiros, franceses, poloneses, colombianos) -, bem como vários sacerdotes e seminaristas de vários lugares de nossa Terra de Santa Cruz.
11938993_1630821013855990_339394806_n
11921913_1630676253870466_1429602265_n
11911819_1630676323870459_1294159705_n
A grande quantidade de fiéis – igualmente vindos de todas as partes – e o fervor deles durante a cerimônia foram notáveis. Tudo isso mostra como a ordenação de um sacerdote é um grande bem para toda a Igreja.
11938928_1630815810523177_183906704_n
Os fiéis puderam seguir com grande fruto todas as cerimônias do rito de ordenação. Entre elas, destacam-se algumas. Primeiramente, a prostração, durante o canto das Ladainhas de Todos os Santos, dos que serão ordenados: reconhecem que nada são diante de Deus e imploram o auxílio de Deus, de Nossa Senhora, de todos os anjos e Santos. Depois a imposição das mãos e a as palavras da ordenação, que são a essência do sacramento, constituindo-os sacerdotes do Altíssimo. A consagração das mãos feita com o óleo sagrado, para que possa tocar no Corpo de Nosso Senhor Jesus Cristo. A casula desdobrada no final da cerimônia, significando o poder de absolver os pecados. Enfim, todas as riquíssimas cerimônias da Igreja, que, ao mesmo tempo, explicam o que se está fazendo e merecem graças diante de Deus. Cerimônias em que o céu toca a terra.
11913291_1630677927203632_1619279800_nimage11948022_1630815813856510_912074616_nimage
Na ordenação, aquele que era filho de Deus e soldado de Jesus Cristo torna-se mediador entre Deus e os homens, prestando o devido culto a Deus e comunicando aos fiéis as graças divinas. Nosso Senhor não chama os sacerdotes de servos, mas de amigos. E o Padre é, principalmente, o homem da Missa, o homem da renovação do Sacrifício de Cristo no Calvário, pelo qual o mundo é salvo. Ele trata das coisas mais santas. Quão imensa é a dignidade sacerdotal. Quão grande é a responsabilidade sacerdotal, devendo o Padre responder pelas almas que o Senhor lhe confia. Quão grande é a bondade de Nosso Senhor ao ter instituído o sacerdócio e ao nos dar padres constantemente. Quão grande deve ser a nossa gratidão para com o Salvador.
11909788_1630676320537126_329127130_nimageimage11922787_1630815817189843_156314404_nMas Devemos, também, por dever de justiça, agradecer ao Eminentíssimo Cardeal Dom Odilo Scherer e ao Excelentíssimo Dom Athanasius Schneider. Graças às disposições da Divina Providência, o Instituto Bom Pastor (IBP), pôde realizar no Brasil, com grande esmero e alegria imensurável, esse ato tão central para a sua vida, que se baseia na formação e no apostolado sacerdotais. Rezemos para que os neo-sacerdotes sejam verdadeiramente bons pastores e rezemos pelo desenvolvimento do IBP.
image


Read more: http://www.saopiov.org/#ixzz3jrqrvTEn