Don Divo Barsotti

Arquivo do blog

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Há na Missa, um movimento de ascensão contínua. As orações e cerimônias nos conduzem, como por degraus, até o pico da montanha santa, onde se vai concluir e consumar o Santo Sacrifício

http://2.bp.blogspot.com/_cM1Js6OZDlQ/TGk_TWKFzZI/AAAAAAAAASk/9FsDQnyb5Rc/s1600/tridentineelevation_2.jpg



Verificando que faltam fontes que contenham até mesmo o ordinário da Santa Missa, com breves mas consistentes explicações do que seja o Tesouro que é a Santa Missa Tridentina, faremos um especial com o ordinário e as traduções e de como o fiel deve portar-se para assistir devotamente o Santo Sacrifício. Que nosso amor cresça para Aquele que é Todo Amor e se imola a cada dia sob os altares! Hoje, apenas uma explicação do que consiste a Santa Missa e orações para serem feitas e meditadas antes desta.





Explicações sobre a Santa Missa


O fim da vida do homem é possuir a vida divina para dar glória a Deus. Essa união com Deus começada na terra, deve terminar no céu. 


O pecado de Adão rompeu, desfez a união do homem com Deus. 


Nosso Senhor Jesus Cristo, dando Sua vida pelo mundo, restabeleceu a união, morrendo por nós no Calvário. E a Missa é a renovação deste Sacrifício do Calvário que se estende de século em século, pelo ministério dos sacerdotes, sobre nossos altares. 


Por Nosso Senhor, com Nosso Senhor e em Nosso Senhor, nós podemos adorar, suplicar, expiar e agradecer de maneira digna a Deus Pai. 


Em união com toda a Igreja, nós podemos, todos os dias, oferecer a Deus, o Seu Filho único, Nosso Senhor Jesus Cristo, Vítima imolada, que será sempre agradável a Seu Filho. 


Há na Missa, um movimento de ascensão contínua. As orações e cerimônias nos conduzem, como por degraus, até o pico da montanha santa, onde se vai concluir e consumar o Santo Sacrifício. 


Podemos dividir a Missa em seis partes: 


Na 1a parte, PREPARAÇÃO - o padre e os fieis confessam humildemente seus pecados, pedindo a Deus perdão e purificando dessa maneira seus corações.


Na 2a parte, INSTRUÇÃO - as leituras da Epístola e do Evangelho principalmente, iluminam os espíritos, lembrando-nos as verdades ensinadas por Nosso Senhor Jesus Cristo.


Na 3a parte, OFERTÓRIO - começa-se a preparação da matéria que será usada para o Sacrifício (pão e vinho), o padre os santifica separando-os do uso profano, e antecipa-se, nas orações, a oblação da Vítima Imaculada, que é Nosso Senhor Jesus Cristo. 


Na 4a parte, CONSAGRAÇÃO - o padre suplica a Deus que abençoe a oferenda e em nome de Jesus Cristo, pronuncia as palavras da Consagração, oferecendo a Deus Pai, a Hóstia pura, imaculada, o Corpo e o Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo. É o momento mais importante da Santa Missa. Nosso Senhor Jesus Cristo está real, verdadeira e substancialmente presente no altar; e o padre em união com Ele, reza belíssimas orações, pedindo ao Pai eterno que interceda por seu povo. 


Na 5a parte, COMUNHÃO - o padre consome a Divina Vítima e convida também aos fiéis, para receberem a Divina Vítima. É a Comunhão. 


Na 6a parte, AÇÃO DE GRAÇAS - o padre e os fieis agradecem a Deus, a graça da Santa Missa e da Comunhão. 


A Santa Missa é o sacrifício do Corpo e do Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo, oferecido em nossos altares, em memória do Sacrifício da Cruz. O Santo Sacrifício da Missa é oferecido: 1o para adorar e glorificar a Deus; 2o para agradecer a Deus o perdão dos pecados; 3o para obter de Deus o perdão dos pecados; 4o para pedir a Deus graças a favores. 


A Missa é a melhor devoção que um cristão pode ter; a que mais agrada a Deus; a que mais alivia as almas do purgatório e que mais graças nos alcança do céu. 






--- ANTES DA MISSA ---

Ato de Fé: Eu creio firmemente que há um só Deus em três pessoas realmente distintas, Pai, Filho e Espírito Santo, que dá o céu aos bons e o inferno aos maus para sempre. Creio que o Filho de Deus se fez homem, padeceu e morreu na cruz para nos salvar e que ao terceiro dia ressuscitou. Creio tudo o mais que crê e ensina a Santa Igreja Católica Apostólica Romana, porque Deus verdade infalível lho revelou. E nesta graça quero viver e morrer. 

Ato de Esperança: Eu espero, meu Deus, com firme confiança, que, pelos merecimentos de meu Senhor Jesus Cristo, me dareis a salvação eterna e as graças necessárias para conseguí-la, porque Vós, sumamente bom e poderoso, o haveis prometido a quem observar fielmente os vossos mandamentos, como eu proponho fazer com o vosso auxílio. 

Ato de Caridade: Eu vos amo meu Deus, de todo o meu coração e sobre todas as coisas porque sois infinitamente bom e amável, e antes quero perder tudo que Vos ofender. Por amor de Vós, amo ao meu próximo como a mim mesmo. 

Ato de Contrição: Senhor meu Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, Criador e Redentor meu, por serdes Vós quem sois, sumamente bom e digno de ser amado, e porque vos amo e estimo sobre todas as coisas, pesa-me Senhor de todo o meu coração de vos ter ofendido, pesa-me também por ter perdido o céu e merecido o inferno, e proponho firmemente ajudado com o auxílio de vossa divina graça, emendar-me e nunca mais vos tornar a ofender, espero alcançar o perdão de minhas culpas, pela vossa infinita misericórdia. Amém.


(continua...)
 
http://www.tradicaoemfoco.com/2011/09/especial-santa-missa-tridentina.html#more