BEATO CARLO ACUTIS , A EUCARISTIA É A MINHA AUTO -ESTRADA PARA O CÉU

 


Arquivo do blog

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Bento XVI: no Coração de Jesus está expresso o Amor que nos salva e nos faz viver já na eternidade de Deus.


O núcleo essencial do cristianismo está no Coração de Jesus, afirmou o Papa inaugurando o Ano Sacerdotal

(19/6/2009) Depois do Ano Paulino, Bento XVI coloca a Igreja em celebração com um Ano Sacerdotal, que iniciou esta Sexta-feira, festa do Coração de Jesus e dia de oração pela santificação dos sacerdotes. A iniciativa começou com a celebração de Vésperas, na Basílica de São Pedro, presidida pelo Papa e encerra-se a 19 de Junho de 2010, após um Congresso Internacional, em Roma.
Na homilia desta tarde Bento XVI salientou que no Coração de Jesus está expresso o núcleo essencial do cristianismo: em Cristo é-nos revelada e dada inteiramente a novidade revolucionária do Evangelho: o Amor que nos salva e nos faz viver já na eternidade de Deus.
E depois de ter citado um versículo do evangelista São João “Deus amou de tal modo o mundo que lhe deu o seu Filho único, para que todo o que n’Ele crer não pereça, mas tenha a vida eterna”, Bento XVI salientou que o Coração divino “ chama o nosso coração; convida-nos a sair de nós próprios, a abandonar as nossas seguranças humanas para confiarmos n’Ele, e seguindo o seu exemplo, fazer de nós um dom de amor sem reservas.”
Na sua homilia o Papa dirigindo-se depois aos padres salientou que para ser ministro “ao serviço do Evangelho é certamente útil o estudo com uma esmerada e permanente formação pastoral, mas é ainda mais necessária aquela ciência do amor que se aprende somente no coração a coração com Cristo. De facto é Ele que nos chama para distribuir o pão do seu amor, para perdoar os pecados e guiar o rebanho em seu nome.. Precisamente por isso - disse depois o Papa - nunca nos devemos afastar da fonte do Amor que é o Seu Coração trespassado na Cruz.”