http://4.bp.blogspot.com/_14vrv7ni7HM/TLYyK0PS85I/AAAAAAAABU8/h4xBT0R8kQU/s1600/20101013225550_D0064009.jpg

 

CONSERVAR O DEPÓSITO DA FÉ

 [ EN  - ES  - FR  - IT  - LA  - PT ]

CARTA ENCÍCLICA
PASCENDI DOMINICI GREGIS
DO SUMO PONTÍFICE
PIO XAOS PATRIARCAS, PRIMAZES,
ARCEBISPOS, BISPOS
E OUTROS ORDINÁRIOS EM PAZ
E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA
SOBRE
AS DOUTRINAS MODERNISTAS

Veneráveis Irmãos,
saúde e bênção apostólica
INTRODUÇÃO
A missão, que nos foi divinamente confiada, de apascentar o rebanho do Senhor, entre os principais deveres impostos por Cristo, conta o de guardar com todo o desvelo o depósito da fé transmitida aos Santos, repudiando as profanas novidades de palavras e as oposições de uma ciência enganadora. E, na verdade, esta providência do Supremo Pastor foi em todo o tempo necessária à Igreja Católica; porquanto, devido ao inimigo do gênero humano nunca faltaram homens de perverso dizer (At 20,30), vaníloquos e sedutores (Tit 1,10), que caídos eles em erro arrastam os mais ao erro (2 Tim 3,13). Contudo, há mister confessar que nestes últimos tempos cresceu sobremaneira o número dos inimigos da Cruz de Cristo, os quais, com artifícios de todo ardilosos, se esforçam por baldar a virtude vivificante da Igreja e solapar pelos alicerces, se dado lhes fosse, o mesmo reino de Jesus Cristo. Por isto já não Nos é lícito calar para não parecer faltarmos ao Nosso santíssimo dever, e para que se Nos não acuse de descuido de nossa obrigação, a benignidade de que, na esperança de melhores disposições, até agora usamos.
E o que exige que sem demora falemos, é antes de tudo que os fautores do êrro já não devem ser procurados entre inimigos declarados; mas, o que é muito para sentir e recear, se ocultam no próprio seio da Igreja, tornando-se destarte tanto mais nocivos quanto menos percebidos.  LER...
 [ EN  - ES  - FR  - IT  - LA  - PT ]

CARTA ENCÍCLICA
PASCENDI DOMINICI GREGIS
DO SUMO PONTÍFICE
PIO XAOS PATRIARCAS, PRIMAZES,
ARCEBISPOS, BISPOS
E OUTROS ORDINÁRIOS EM PAZ
E COMUNHÃO COM A SÉ APOSTÓLICA
SOBRE
AS DOUTRINAS MODERNISTAS

Veneráveis Irmãos,
saúde e bênção apostólica
INTRODUÇÃO
A missão, que nos foi divinamente confiada, de apascentar o rebanho do Senhor, entre os principais deveres impostos por Cristo, conta o de guardar com todo o desvelo o depósito da fé transmitida aos Santos, repudiando as profanas novidades de palavras e as oposições de uma ciência enganadora. E, na verdade, esta providência do Supremo Pastor foi em todo o tempo necessária à Igreja Católica; porquanto, devido ao inimigo do gênero humano nunca faltaram homens de perverso dizer (At 20,30), vaníloquos e sedutores (Tit 1,10), que caídos eles em erro arrastam os mais ao erro (2 Tim 3,13). Contudo, há mister confessar que nestes últimos tempos cresceu sobremaneira o número dos inimigos da Cruz de Cristo, os quais, com artifícios de todo ardilosos, se esforçam por baldar a virtude vivificante da Igreja e solapar pelos alicerces, se dado lhes fosse, o mesmo reino de Jesus Cristo. Por isto já não Nos é lícito calar para não parecer faltarmos ao Nosso santíssimo dever, e para que se Nos não acuse de descuido de nossa obrigação, a benignidade de que, na esperança de melhores disposições, até agora usamos.
E o que exige que sem demora falemos, é antes de tudo que os fautores do êrro já não devem ser procurados entre inimigos declarados; mas, o que é muito para sentir e recear, se ocultam no próprio seio da Igreja, tornando-se destarte tanto mais nocivos quanto menos percebidos.  LER...

Arquivo do blog

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Mater Ecclesiae’s Assumption Mass





As many of you know the 14th annual Assumption Mass was celebrated this year at the Cathedral Basilica of Saints Peter and Paul in Philadelphia. Even though Mater Ecclesiae is in the Diocese of Camden, across the Delaware river in New Jersey, we were privileged and honored to be given permission to bring this grand celebration to the historic Cathedral Basilica begun by Saint John Neumann. Special thanks are given to His Excellency, Archbishop Charles Chaput for giving permission and to Fr Dennis Gill, Rector of the Cathedral, for his support, kindness and wonderful hospitality. 


This celebration has become an anticipated spiritual event for the whole Delaware Valley and beyond. Parish groups came from the Dioceses of Trenton, NJ, Allentown, PA, Wilmington, DE, Harrisburg, PA, Camden, NJ, and the Archdioceses of Philadelphia and Washington, DC. The Cathedral was full. The procession was filled with Knights of Columbus, Knights and Ladies of the Holy Sepulchre, members of the Sovereign Order of Malta, members of the TFP, the Blessed Imelda Society, the Maidens of the Miraculous Medal, the Catholic Scouts known as the Federation of North American Explorers, altar servers from across the region, and seminarians and priests. The choir under the direction of Dr Timothy McDonnell, music department chair at Ave Maria University, and the schola cantorum, under the direction of Mr Nicholas Beck, music director at Mater Ecclesiae, prayed the music of the Mass flawlessly. A seventy-two page booklet filled with descriptions, explanations, lists of donors and ads of patrons, prepared by Miss Barbara Rodio, was given out to the participants. Msgr Andrew Wadsworth, celebrant of the Mass, delivered a beautiful sermon on our Blessed Lady. It was a devout and grand celebration of Our Lady’s Assumption and a magnificent participation in the greatness of Catholic culture.




There are still many daunting challenges for those who love the traditional rites of the Church, but we have come such a long way and we must never stop moving forward. Love for the traditional Mass and rites is a youth movement. Those involved are on fire with the Catholic Faith. One thousand people spent two hours and fifteen minutes in church, on a beautiful Friday evening in August. They could have gone to a sea shore resort, to a baseball game, to a night club or to any diversion; instead they immersed themselves in prayer, relished in the Sacred Liturgy, honored Our Lady, and praised God; and they went out into the world filled with grace and joy. What a blessed event!


   
     DEO GRATIAS!

http://www.newliturgicalmovement.org/