Arquivo do blog

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

PASCENDI — a monumental encíclica que fulminou a heresia modernista

São Pio X nos jardins do Vaticano

Revista Catolicismo, Nº 764 (agosto/2014)
Em 1907, São Pio X condenou o movimento modernista que se infiltrara nas hostes católicas com a finalidade de relativizar, e até mesmo deturpar, o ensinamento do magistério tradicional e infalível da Igreja e levar os católicos incautos a aceitarem os erros do mundo moderno
O Pontífice trabalhando em sua biblioteca particular
O Pontífice trabalhando em sua biblioteca particular
Certamente um dos mais importantes documentos do Papa São Pio X foi sua célebre Encíclica Pascendi Dominici Gregis, sobre as doutrinas dos modernistas, promulgada pelo Sumo Pontífice em 8 de setembro de 1907. Ela alcançou enorme repercussão no século XX e continuará ecoando ao longo da presente centúria. Em nossos dias, o movimento progressista — infiltrado nas próprias fileiras católicas — utiliza-se das mesmas táticas e espalha nos ambientes da Igreja erros condenados por São Pio X, que denunciou e estigmatizou a doutrina modernista como sendo a “síntese de todas as heresias”.
Neste centenário do falecimento do santo autor da Pascendi, oferecemos aos nossos leitores excertos especialmente marcantes dessa admirável e intrépida encíclica. Tais excertos encontram-se citados em três matérias de autoria do insigne líder católico Plinio Corrêa de Oliveira, publicadas em nossas edições de setembro, outubro e novembro de 1957. Ele transcreve trechos da Pascendi,(*) enaltece a firmeza de São Pio X, e o apresenta como modelo para o combate aos inimigos internos e externos da Santa Igreja.LER...