Don Divo Barsotti

Arquivo do blog

domingo, 24 de janeiro de 2010

"O sacerdote e a pastoral no mundo digital: os novos meios ao serviço da Palavra." Mensagem do Papa para o Dia Mundial das comunicações sociais 2010







(24/1/2010) Foi publicada neste sábado a mensagem do Papa para o dia mundial das comunicações sociais de 16 de Maio de 2010 sobre o tema"O sacerdote e a pastoral no mundo digital: os novos media ao serviço da Palavra". Um tema – salienta Bento XVI que se insere perfeitamente no trajecto do Ano Sacerdotal e traz à ribalta a reflexão sobre um âmbito vasto e delicado da pastoral como é o da comunicação e do mundo digital, que oferece ao sacerdote novas possibilidades para exercer o seu serviço à Palavra e da Palavra.
A tarefa primária do sacerdote - recorda o Papa - é anunciar Cristo, Palavra de Deus
encarnada, e comunicar a multiforme graça divina portadora de salvação mediante os sacramentos.

Pondo à nossa disposição meios que permitem uma capacidade de expressão
praticamente ilimitada - escreve depois o Santo Padre na sua mensagem - o mundo digital abre perspectivas e concretizações notáveis ao incitamento paulino: "Ai de mim se não anunciar o Evangelho!" (1 Cor 9,16). Por conseguinte, com a sua
difusão, não só aumenta a responsabilidade do anúncio, mas esta torna-se também mais premente reclamando um compromisso mais motivado e eficaz.

Aos presbíteros – salienta o Papa - é pedida a capacidade de estarem presentes no mundo digital em constante fidelidade à mensagem evangélica, para desempenharem o próprio papel de animadores de comunidades, que hoje se exprimem cada vez mais frequentemente através das muitas "vozes" que surgem do mundo digital, e anunciar o Evangelho recorrendo não só aos media tradicionais, mas também ao contributo da nova geração de audiovisuais (fotografia, vídeo, animações, blogues, páginas internet) que representam ocasiões inéditas de diálogo e meios úteis inclusive para a evangelização e a catequese.
Através dos meios modernos de comunicação, o sacerdote poderá dar a conhecer a vida da Igreja e ajudar os homens de hoje a descobrirem o rosto de Cristo.
Mas – acrescenta Bento XVI - no impacto com o mundo digital, mais do que a mão do operador dos media, o presbítero deve fazer transparecer o seu coração de consagrado, para dar uma alma não só ao seu serviço pastoral, mas também ao fluxo comunicativo ininterrupto da "rede".
Também no mundo digital deve ficar patente que a amorosa atenção de Deus em Cristo por nós não é algo do passado nem uma teoria erudita, mas uma realidade absolutamente concreta e actual.

A Palavra poderá assim fazer-se ao largo no meio das numerosas encruzilhadas criadas pelo denso emaranhado das auto-estradas que sulcam o ciberespaço e afirmar
o direito de cidadania de Deus em todas as épocas, a fim de que, através das novas formas de comunicação, Ele possa passar pelas ruas das cidades e deter-se no limiar das casas e dos corações, fazendo ouvir de novo a sua voz: "Eu estou à porta e chamo. Se alguém ouvir a minha voz e Me abrir a porta, entrarei em sua casa,
cearei com ele e ele comigo" (Ap 3, 20

Com o Evangelho nas mãos e no coração, - é o apelo final de Bento XVI na sua mensagem para o dia mundial das comunicações sociais de Maio de 2010 - é preciso reafirmar que é tempo também de continuar a preparar caminhos que conduzam à Palavra de Deus, não descurando uma atenção particular por quem se encontra em condição de busca, mas antes procurando mantê-la desperta como primeiro passo para a evangelização.
O desenvolvimento das novas tecnologias e, na sua dimensão global, todo o mundo digital representam um grande recurso, tanto para a humanidade no seu todo como para o homem na singularidade do seu ser, e um estímulo para o confronto e o
Diálogo.

Mas, é preciso não esquecer que a fecundidade do ministério sacerdotal deriva primariamente de Cristo encontrado e escutado na oração, anunciado com a pregação e o testemunho da vida, conhecido, amado e celebrado nos sacramentos sobretudo daSantíssima Eucaristia e da Reconciliação.

( texto integral em Documentos do Vaticano )
fonte:radio vaticano