Écoutez nos offices en direct ou en différé
audio-diffusion

Pour suivre les offices : texte en latin-français.

Laudes
Dimanche
Lundi
Mardi
Mercredi
Jeudi
Vendredi
Samedi

Prime

Sexte

None
Vêpres

C

Martirologio I

Martirologio I

Martirologio II

Martirologio II

Arquivo do blog

quarta-feira, 22 de março de 2017

Jesus : Meus filhos, Eu estou a pegar em vós nos Meus braços.

Resultado de imagem para sacred heart of jesus
http://directionforourtimes.com/wp-content/uploads/2013/04/POR-Volume-2.pdf

2 de Setembro de 2003 

Jesus 
Quero que os Meus filhos estejam em paz. Vós já o sabeis, Meus filhos, tantas foram as vezes que vo-lo disse. Hoje, vou ensinar-vos como manter a paz nos vossos corações em todos os momentos. Meus filhos, quando um pai ou uma mãe embala um filho e canta uma canção de embalar, a criança sabe o que é a paz e, tanto assim é, que muitas vezes a criança fecha os seus olhinhos e cai sem esforço num sono sossegado. 

Meus filhos, Eu estou a pegar em vós nos Meus braços. Eu estou a embalarvos suavemente, muitas vezes, durante o vosso dia; quero que pareis o que estiverdes a fazer durante um breve momento, e que fecheis os vossos olhos. Durante um momento vou serenar a vossa alma com este mesmo carinho e, mesmo que seja por um só momento, sabereis o que é o sono da paz. Tereis plena consciência dos vossos sentidos, sim, mas a vossa alma descansará em completa união Comigo, e todo o vosso ser ficará restaurado e reencontrará o seu equilíbrio
Meus filhos, é assim que Eu tenciono manter-vos em paz. Nada deveis temer, nem mesmo a morte. Porque é que a morte haveria de assustar uma alma que está destinada a passar a eternidade Comigo? Estarás simplesmente a regressar a casa, Meu filho, e os breves momentos da morte são quase que um tempo de transição   praticamente instantâneo.

 Não, não temas a morte. Isso distrair-te-á da vida, e Nós não queremos distracções a desviarem-te do cumprimento dos teus deveres na terra. Meus filhos, procurais ficar Comigo durante todo o vosso dia? Lembrai-vos que vos estais a exercitar e a tentar tomar consciência da Minha presença e daquilo que Eu diria. Perguntais-Me muitas vezes o que Eu gostaria que fizésseis. É assim que se deve proceder, Meus filhos. Vedes as mudanças que Eu estou a fazer na vossa alma? Vedes a diferença na forma como olhais para os vossos irmãos e irmãs?
 Compreendeis agora que estou a fazer estas mudanças e que podeis confiar em Mim, porque Eu mantenho a Minha palavra. Estamos a fazer progressos, Meu filho, e isso agrada-Me. Cada vez que uma alma se aproxima de Mim em atitude de confiança, este mundo transforma-se um pouco. Quero que sintas alegria, Meu filho. O teu mundo não está em paz, mas tu tens de estar. Estou a colocar paz nas vossas almas, e o mundo irá obter essa paz através de vós, da mesma forma que um bebé vai buscar alimento à sua mãe. É por isso que vos peço para virdes até Mim, muitas vezes, durante o vosso dia. À medida que o mundo for buscando a paz para acalmar a sua terrível inquietação, Eu colocarei mais paz dentro de vós. Por isso não vos preocupeis ou não vos inquieteis porque o mundo  vos tira a vossa paz. É para o mundo que Eu a dou, e Eu tenho uma quantidade infindável com a qual vos poderei encher. Começais a ver a amplitude do Meu plano? Eu preciso de muitas almas para Me ajudarem e, neste momento, não tenho almas que cheguem. Por isso temos de dar a conhecer ao mundo o Meu pedido, para que todas as almas de boa vontade possam responder e ajudar-Me. É justo e equitativo, Meu filho, que seja dada a cada um a oportunidade de responder por si mesmo. Eu estou a pedir, e cada alma deve responder. As pessoas percebem, na sua alma, que lhes está a ser pedido para escolherem, e são elas que escolhem. Eu sou Deus. Eu sei tudo. Eu preciso de almas. Ninguém se pode esconder de Mim. Se uma alma Me rejeitar agora, acabou-se. Não é possível rejeitar Deus e pedir o Céu em herança. Fica em paz, Meu querido filho. O teu Deus está a transformar o mal em bem